EnglishItalianPortuguêsRussianSpanishFrenchGerman Formal - Sie
Le macchine che si prendono cura dei tuoi prodotti come le tue mani
A experiência

30 anos de experiência “no terreno” percorridos nas etapas-chave e nos modelos de ponta que levaram a nossa empresa a uma posição de líder de mercado no sector das máquinas para a colheita do tomate e nos sectores relacionados. Uma leitura empolgante acompanhada por imagens sugestivas.

1981 - O primeiro de todos os equipamentos de arrasto para a recolha do tomate para trabalho na lavoura no longínquo 1981. Idealizada e projectada a pedido duma família de agricultores com o objectivo de favorecer e acelerar o procedimento de recolha. Depois de serem manualmente cortadas as plantas são postas no equipamento de recolha com uma considerável poupança de tempo, energia e mão de obra.

É a primeira máquina concebida por dois “dos mais simpáticos’ de Mirabello”: o Eng. Giorgio Squarzola e o Perito Industrial Ferruccio Laurenti, trintões fundadores da empresa e ainda hoje os criadores de cada novo modelo da casa Pomac.'

 

1982-1983 - O primeiro modelo de equipamento de arrasto foi aperfeiçoado acrescentando uma plataforma para a selecção manual e um sistema de ventilação, que incrementam bastante a qualidade e a limpeza do tomate recolhido. Uma máquina completamente mecânica, distinguida pelas suas grandes dotes de robustez e fiabilidade. Continuou a ser construída até 1984 em mais de 300 unidades.

A marca Pomac suscita o interesse preocupado da concorrência, que adapta cada um dos exemplares às próprias cores empresariais depois de o ter adquirido indirectamente.

 

 

1984 - Viene introdotto sulle macchine il nastro raccoglitore con  pick-up: un' importante innnovazione tecnica la cui funzione e' quella di  ottimizzare il trasporto delle piante dal terreno alla macchina.Si tratta
di un passo fondamentale verso l'automazione totale del processo di  raccolta del pomodoro.


1984 - É introduzida nas máquinas o tapete rolante para a recolha com pick-up: uma importante inovação tecnológica cuja função é a de optimizar o transporte das plantas do terreno à máquina. Trata-se
de um passo fundamental na automatização total do processo de recolha do tomate.

As potencialidades elevadas de recolha caracterizam o sucesso deste modelo.

 

 

 

1985 - Sendo mantidas a clássica robustez e a fiabilidade das máquinas predecessoras, graças ao comando completamente óleodinamico este modelo de recolha demonstrou-se ser leve e ágil mesmo em terrenos mais hostis, garantindo um elevadíssimo potencial de trabalho. A cabeça é dotada de recolha automática ou então, em alternativa, do já ‘famoso’ pick-up com pré-corte da planta.

Com esta máquina a empresa Pomac conquistou literalmente os terrenos de Itália, Espanha, Checoslováquia, Hungria e da então U.R.S.S.. A produção deste modelo continua até 1989 com um record de vendas de mais de 400 exemplares. A salientar que nestas máquinas foi introduzido pela primeira vez o sistema de abanadores de correias alternativas, que contribuiu para aumentar a produtividade e a qualidade de colheita a níveis excelentes.

No inicio do decénio sucessivo esta máquina foi ulteriormente aperfeiçoada com a montagem das primeiras seleccionadoras electrónicas para a escolha automática do produto e ainda é utilizada no terreno com uma especifica adaptação para a recolha da cebola.
 

1987 - É o ano do primeiro equipamento de recolha  motorizada. Dotada de um potente motor da marca VM montado lateralmente, dos comprovados seleccionadores “a cavalo” e da tracção poliédrica anterior com o eixo posterior direccionável.

 

 

 

 

O modelo sucessivo está equipado com os abanadores alternativos tendo-se alcançado uma centena de exemplares produzidos até 1990.

 

 

 

 



 

1988 - Modelo especial de máquina de arrasto de pequenas dimensões adequada à sementeira do tomate com o inter-eixo de 1 metro.


 

 

 

 

1990 - Esta máquina motorizada de grandes dimensões é tecnicamente muito avançada.

Aloja facilmente a selecção electrónica na parte posterior e tem montados os abanadores alternativos e a cabeça com “dedos móveis”. A possibilidade de movimentar lateralmente o corpo da máquina em relação ao eixo central, unida à presença de 4 rodas motoras com direcção independente e ao motor potente e fiável, tornam agradável a colheita em todas as condições.


Simplesmente imparável. Em produção até 1993.

 

1991 - O novo decénio é o cenário em que a evolução tecnológica introduzida pela selecção electrónica revoluciona o mundo da colheita do tomate. A Pomac navega puxada pelo vento da inovação e aplica a experiência adquirida às novas exigências do mercado: da mente do Engº. Squarzola nasce a empresa S.T.E.I. com o único objectivo de construir as seleccionadoras electrónicas montadas exclusivamente nas máquinas Pomac.

 

 

1993 -  O modelo de equipamento de recolha motorizado acima designado “COSMINA”  é mais pequeno das “irmãs maiores” da casa Pomac. Traz lateralmente a selecção electrónica S.T.E.I. e é leve e simples de mecânica. O preço de venda é reduzido. O grande sucesso deste primeiro modelo foi fundamental para o desenvolvimento das máquinas sucessivas.



 

 

1994 - Construído em mais de 350 exemplares, com o novo modelo de equipamento motorizado ‘COSMO’ a firma POMAC deixou        uma marca inapagável na mecanização do tomate em Itália e no estrangeiro. Desenvolvendo as soluções técnicas já comprovadas nas progenitoras ‘COSMINE’, as recém nascidas vão ser a plataforma ideal para a aplicação dos progressos mecânicos e tecnológicos dos anos sucessivos.

As ‘COSMO’ podem instalar também a dupla seleccionadora de 30 ou mesmo de 40 canais e a partir de 1997 alojam o inovador abanador de raios vibradores. Modelo construído até 2000.



1999 - Graças à comprovada eficiência das próprias seleccionadoras electrónicas, a empresa S.T.E.I. lança no mercado o novo modelo Plus Color. A abordagem tecnológica inovadora torna-o mais preciso e rápido relativamente às versões anteriores, melhorando a eficácia das prestações.
.



 

 

2000 - Nasce o equipamento motorizado de recolha de 35 canais. Neste concretizam-se soluções técnicas modernas e originais, inspiradas pelas exigência de produção e pela experiência acumulada. A fiabilidade e a capacidade produtiva são os seus pontos fortes, exaltados por um potente motor da marca IVECO de 160 CV e pela seleccionadora electrónica em esquema (singular ou dupla).

O recém nascido foi exportado para todo o mundo até ao ano de 2004.

 

 

 2002  - O modelo de equipamento motorizado “Estrema” responde perfeitamente às exigências do mercado espanhol para o qual foi concebido. A especial cabeça de discos, MOT lateral de 30 canais e  dupla seleccionadora electrónica de 35 canais: demonstra-se rápida e infalível na colheita do tomate nos terrenos proibitivos da Espanha.

 

 

2004 - Após três anos de experimentação a empresa S.T.E.I. produz a terceira geração de seleccionadora electrónica: o modelo ‘Genius’ é o resultado do forte impulso tecnológico com o qual a POMAC contribuiu para alcançar níveis qualitativos e quantitativos de produtividade impensáveis até poucos anos antes.

As novas seleccionadoras electrónicas tornaram-se um traço distintivo de qualidade e incrementaram o sucesso dos equipamentos de recolha POMAC. Mesmo os construtores concorrentes preferem integrar estas seleccionadoras nas próprias máquinas.

 

2004 - POMAC lança no mercado 3 novos modelos de equipamentos motorizados de recolha:

COSMO SUPER  de 35 canais

COSMO MEGA  de 40 canais

COSMO GIGA  de 45 canais



A renovação da gama por um lado confirma a fiabilidade tradicional dos equipamentos de recolha, por outro lado intensifica a produtividade: o modelo GIGA atinge um vértice de colheita de 50 toneladas horárias. Na fase de projectação realizou-se um trabalho acurado na prevenção da usura de cada um dos componentes, consentindo abater os custos de manutenção da máquina.

 

 

2007 - O modelo de selecção electrónica de 40 canais sai de produção e a gama concentra-se nos modelos de equipamentos de recolha que ainda hoje constituem o vértice de construção Pomac pela fiabilidade e competitividade:




 

Veja as fichas técnicas detalhadas:


 Eis as principais novidades introduzidas em 2007:

- Rodas da cabeça cheias para evitar de as danificar durante a colheita em terrenos mais difíceis

- Adaptação do motor e do tubo de escape às normas em vigor com a passagem da 2 a 3 nev.

- Desdobramento do circuito sobre o tapete de subida das plantas a fim de o reforçar

- Potenciamento da transmissão dos raios vibradores

- Inserção dos rolamentos sobre os movimentos da barra cortadora da cabeça

- Melhoramento do isolamento e da protecção do sistema eléctrico

-  Introdução do sensor para o alinhamento das rodas anteriores e acrescentou-se um sinalizador         luminoso no tabelier do habitáculo 

 - Equipou-se com um visualizador do numero de vibrações para controlar os raios vibradores

Estas inovações técnicas são o fruto da experiência maturada colhendo tomate e sucessos nos terrenos de todo o mundo: a qualidade de cada um dos componentes das máquinas Pomac é importante tanto quanto as exigências individuais de cada um dos seus clientes.

Conheça as TÉCNICAS CONSTRUTIVAS  que testemunham a qualidade Pomac


CE60002009 - A empresa testou com sucesso dois modelos inovadores de equipamentos de recolha durante a campanha do tomate de 2009: COSMO EVOLUTION 4500 e COSMO EVOLUTION 6000. Concebidas para satisfazer as mais recentes exigências de colheita, que prevêem filas duplas de plantas distantes 50 ou 80 centímetros, as novas máquinas são o fruto da tradicional técnica da vanguarda da marca Pomac: a comprovada característica projectual dos modelos anteriores foi enriquecida com a escolha de novos componentes e a aplicação de soluções técnicas inovadoras. Esta paixão pela constante evolução dos próprios produtos coloca a empresa na vanguarda da construção de equipamentos de recolha do tomate a nível mundial, quer pela qualidade quer pela ampla gama que pode oferecer ao cliente.

Clique aqui para descobrir as recém nascidas da casa Pomac !

Abra já a brochura informativa